PESQUISAR

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Concurso de Redação 2012

Como vocês já sabem, minha redação foi uma das selecionadas para o Concurso de Redação do meu colégio. É bem verdade que isso não tem valor algum, não ganha nota, não ganha nada de valor material, não é como passar no vestibular, nada disso.

Ao mesmo tempo, pra mim, isso tem um valor enorme, simplesmente para suprir minha própria realização pessoal. É bobo, mas é o que eu faço, e isso de alguma forma fez sentido pra alguém. Me faz útil, me faz feliz, me faz mais eu.


Essa redação, especificamente, tem a minha aprovação. É algo estranho pra mim, sempre acho tudo que eu escrevo uma bela porcaria, com raríssimas exceções. Dessa vez eu pensei muito pra fazer, eu quis muito que fosse entendido o que eu queria dizer. Eu entrei em pânico, suei, fiquei com dor de cabeça, e tudo piorou ainda mais quando meu professor de matemática (fiscal do momento) passou por mim e, vendo que na metade do tempo eu só tinha feito um parágrafo, disse que já era.

Eu estava achando que já tinha sido mesmo, mas terminei de escrever. "Faça qualquer coisa, mas não deixe um texto pela metade" é o meu lema. E pronto, levei comigo a dor de cabeça, o cansaço, o suor, mas tirei as palavras de mim, porque elas pertencem ao mundo e eu apenas pego emprestado.

Resumindo, quando eu leio o meu próprio texto, toda aquela sensação retorna, mas agora com o sentimento de objetivo alcançado. Deu certo, valeu a pena, isso que importa.

Antes que eu me esqueça, preciso abrir um espaço pra falar que meu aprendiz (lê-se meu irmão) também foi selecionado e eu não sabia que ele também puxava pra esse lado até lembrar que a literatura é algo um tanto quanto genético, se parar pra pensar em Érico e Luis Fernando Veríssimo, P.C. e Kristin Cast, e eu adoro essa coisa de escrita em parceria! Quem sabe?


4 comentários:

barbaraornellas disse...

Parabéns, Rebecca! Puxa, fiquei muito feliz por você, de verdade! A redação ficou linda, e esse prêmio foi muito merecido! Parabéns mesmo, estou sentindo a tua alegria, pois também sei como é importante quando alguém reconhece o que sabemos fazer de melhor...
E o texto do seu irmão também ficou lindo! Realmente, a literatura alcança a todos, e com um exemplo como você, Rebecca, é impossível não segui-la. Parabéns, parabéns!
Um beijo!

Rebeca Kim disse...

Muuuito obrigada, Barbara! Muito mesmo! Também torço muito por seu sucesso, você merece tanto quanto, ou até mais, do que eu!

cecilia disse...

Para quem não sabe a Barbara também foi aprovada num concurso de redação !!! ou algo semelhante ...rsrsrsr .
Parabéns aos meus orgulhosos filhos !!!!

Rebeca Kim disse...

séerio? e ela nem me conta! aiai!